Governo do Distrito Federal
17/10/22 às 12h12 - Atualizado em 20/10/22 às 9h15

Veja se você precisa atualizar o Cadastro Único

Mais de 26 mil pessoas fazem parte do grupo prioritário para atualização, para que o GDF agende o atendimento e o cidadão não perca seu benefício

 

A Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) implantou mais uma medida para viabilizar o atendimento às famílias que precisam atualizar o Cadastro Único. Já está em funcionamento a Consulta Revisão Cadastral 2022, ferramenta que ajuda a encontrar pessoas que precisam do atendimento com urgência para não perderem seus benefícios.

 

Para verificar se você faz parte desse público prioritário, basta acessar o site da Sedes, clicar no campo Consulta Revisão Cadastral 2022, informar nome, CPF, número de inscrição social (NIS) e data de nascimento. Caso conste seu nome, basta atualizar as informações de contato.

 

“Com essa nova ferramenta, as pessoas vão informar seus contatos mais recentes e nós vamos retornar agendando data e local para elas irem a uma unidade socioassistencial”, afirma a secretária adjunta de Desenvolvimento Social, Renata Marinho O’Reilly.

 

Quem precisa atualizar

 

Nem todas as famílias que recebem o Auxílio Brasil precisam atualizar o cadastro neste momento. Trata-se de um grupo específico que está em revisão/atualização cadastral. O contingente é composto por 26.414 famílias. “Desde o início do ano, estamos atrás desse público prioritário, que já foi de quase 65 mil famílias”, complementa a gestora.

A secretária adjunta lembra que foram feitas diversas tentativas para agendar a atualização dos dados dessas famílias, como mensagens via aplicativo de celular, ligação telefônica, informativos no extrato bancário e cartas. Porém, nenhuma teve sucesso.

 

A Sedes lembra que o prazo para o fim do procedimento terminou na sexta-feira (14), mas as famílias que ainda não fizeram podem ficar tranquilas, pois o benefício não vai ser cancelado e o governo federal estendeu o prazo por mais 30 dias. “Caso o benefício venha a ser bloqueado por esse motivo, as famílias vão receber de forma retroativa quando atualizarem suas informações conosco”, assegura a secretária adjunta.

 

A Sedes já deu início ao atendimento de 77 mil famílias que estarão com os cadastros desatualizados nos próximos três meses. Mesmo sendo grande o prazo para essas famílias fazerem o procedimento necessário, o objetivo da secretaria é agilizar o agendamento e evitar correrias.

  • Acesse o Portal do Governo do Distrito Federal
  • SEPN Quadra 515, Lote 2, Bloco B Ed. Espaço 515 - Asa Norte
    CEP: 70.770-502
    Transferência de Renda e Cadastro único: 37737251/37737242/37737249
    Subsecretaria de Assistência Social: 3773-7248
    Ouvidoria: 162
Governo do Distrito Federal