Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
8/05/14 às 22h19 - Atualizado em 29/10/18 às 11h44

Sedest compõe mesa de abertura de Reunião Descentralizada – CNAS

cnas    (Foto: divulgação)

Na manhã desta quarta-feira (7), foi aberta a Reunião Descentralizada e Ampliada do Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS), que contou com a presença de mais de 500 participantes. Conselheiros, gestores, trabalhadores e usuários do Sistema Único da Assistência Social (SUAS) da última reunião da gestão 2012-2014 do CNAS se reuniram, sob o comando da presidenta, Luziele Tapajós, e vice-presidenta, Leila Pizatto. “A Atual Condição do Controle Social do SUAS” é o tema de 2014.

O secretário de Desenvolvimento Social e Transferência de Renda, Osvaldo Russo, e a presidenta do Conselho de Assistência Social do DF, Edijanes Rosa Araújo, foram os anfitriões do encontro, pois as reuniões descentralizadas e ampliadas são organizadas pelos conselhos estaduais ou do Distrito Federal que sediam o evento.

“Gestão e controle social garantem a construção do SUAS que o Brasil precisa. Este é um evento altamente significativo para esse controle, pois o CNAS conta com a certeza de uma gestão forte e integrada. O CNAS tem sido um exemplo para os Conselhos Estaduais e Municipais de Assistência Social. Desde junho de 2012, essa gestão deliberou 60 resoluções e sete cadernos de recomendações em torno de vários temas”, relatou a presidenta do CNAS, Luziele Tapajós, que deu boas vindas aos participantes.

Para a presidenta do CAS-DF, Edijanes Araújo, sua presença na mesa de abertura reforça o compromisso de gerir o SUAS com transversalidade e inclusão. “O CAS –DF está se fortalecendo com a participação da sociedade civil em sua gestão e efetivação da Política de Assistência Social. É muito importante que, em momentos como esse, a população participe e se envolva nos debates. Eu sou apenas a primeira usuária dos programas de assistência social que compõe uma mesa como essa, e espero não ser uma exceção”, declarou.

“Para nós do DF é uma honra muito grande ter uma mulher, beneficiária dos programas e serviços socioassistenciais, presidenta do Conselho de Assistência Social. Essa conquista é possível pela organização dos usuários, que assim como os trabalhadores contam com sindicatos, precisam ter voz e representatividade nas tomadas de decisão”, reforçou o secretário Osvaldo Russo, sobre a importância de dar voz aos usuários para a efetivação do controle social do SUAS.

A ministra Tereza Campello disse que a paridade entre governo e sociedade civil nos conselhos leva a um equilíbrio que fortalece o SUAS. “Não é possível falar sobre participação olhando somente para conselheiros ou só para o governo. Alcançamos um equilíbrio a medida que construímos o exercício tensionado positivamente, garantindo e fortalecendo a democracia.”

Compuseram também a mesa de abertura: a vice-presidenta do CNAS, Leila Pizzato; a secretária Nacional Adjunta de Assistência Social, Valéria Goneli; a representante do Fonseas – Fórum Nacional de Secretários (as) de Assistência Social, Maria das Graças Prola; e a representante do Congemas – Colegiado Nacional de Gestores Municipais de Assistência Social, Lúcia Marquim.

  • Acesse o Portal do Governo do Distrito Federal
  • SEPN Quadra 515, Lote 2, Bloco B Ed. Espaço 515 - Asa Norte
    CEP: 70.770-502
    Transferência de Renda e Cadastro único: 37737251/37737242/37737249
    Subsecretaria de Assistência Social: 3773-7248
    Ouvidoria: 3773-7183