Governo do Distrito Federal
12/03/22 às 8h29 - Atualizado em 14/03/22 às 14h20

No Creas Ceilândia, dia de beleza comemora Mês da Mulher

Usuárias participaram de atividades que tiveram o autocuidado como foco

 

O Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) de Ceilândia promoveu, na sexta (11,) um dia especial para as usuárias em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, celebrado em 8 de março. O foco do evento foi o autocuidado.

 

“Nosso grupo é composto por mulheres vítimas de violência, e o autocuidado é uma das temáticas que nós trabalhamos; foi a que a gente escolheu para trabalhar no mês de março, que é o mês da mulher”, explicou a coordenadora do Creas Ceilândia, Elissandra Leão Deolindo. “Muitas vezes, elas acabam acreditando nas palavras de violência que foram proferidas para elas. O nosso trabalho é resgatar essa identidade: quem elas são, o que elas gostam de fazer.”

 

O dia começou com um momento de acolhimento e um café da manhã. Depois, a usuárias participaram de oficinas de autocuidado, com serviços como limpeza de pele e maquiagem, design de sobrancelha, manicure e recebimento de kits de higiene pessoal.

 

 

Interação

 

Para Adriana (nome fictício), a sensação é de gratidão. “Foi bom interagir com as demais mulheres; fiquei sabendo de histórias até mais dolorosas que a minha”, contou. “O que tenho para ofertar para o Creas é minha gratidão e minha oração sincera e amizade”. Com as roupas que adquiriu em mão, Ana (nome fictício) saiu da festa se sentindo renovada. “Estou superfeliz e agradecida”, disse.

A equipe do Creas Ceilândia também promoveu a oficina Plantas que curam, sobre a utilização de plantas medicinais cultivadas na horta da própria unidade para fazer chás, escalda-pés e banho de assento. As mulheres participaram ainda de um bazar com roupas arrecadadas por meio de doações.

 

“Nós também entregamos um valor simbólico para que elas gastassem no bazar e tivessem a sensação de compras, e todas saíram com o dever de casa de se olhar no espelho todo dia e dizer: ‘qual o dia que você quer ter hoje?’”, explicou a coordenadora do Creas. “O que é autocuidado para mim pode não ser para a outra pessoa, então, que elas possam se conhecer para saber do que necessitam. Foi muito rica essa troca com elas.”.

 

A secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha, reforçou que eventos como esse fazem parte da política de assistência social do governo, que tem como foco o resgate da autonomia e da autoestima das pessoas em vulnerabilidade social. “São mulheres que passaram por situações de violência, que chegaram à unidade muito fragilizadas e precisam desse suporte do Estado para se reerguer, recuperar a autoestima para reconstruir a vida com dignidade”, lembrou. “A mulher gosta de se sentir bonita, é claro. Eventos como esse são simples, mas para essas mulheres significam mais autonomia e olhar carinhoso para elas mesmas”.

 

Creas

 

Os centros de referência especializados de assistência social são unidades destinadas ao atendimento de pessoas e famílias (crianças, adolescentes, jovens, adultos, idosos, mulheres) que estão vivendo situações de violência ou violação de direitos.

 

O Creas recepciona, acolhe, fortalece vínculos familiares e comunitários, disponibiliza informações sobre direitos e viabiliza acesso a outros serviços, benefícios e programas.

Os trabalhos são desenvolvidos de modo articulado com a rede de serviços da assistência social, dos órgãos de defesa de direitos e das demais políticas públicas.

 

O atendimento no Creas pode se dar por meio de encaminhamento da rede socioassistencial e de outras políticas públicas, dos órgãos de defesa de direitos. A população pode procurar o serviço diretamente nas unidades.

 

 

Cynthia Ribeiro

  • Acesse o Portal do Governo do Distrito Federal
  • SEPN Quadra 515, Lote 2, Bloco B Ed. Espaço 515 - Asa Norte
    CEP: 70.770-502
    Transferência de Renda e Cadastro único: 37737251/37737242/37737249
    Subsecretaria de Assistência Social: 3773-7248
    Ouvidoria: 162
Governo do Distrito Federal