Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
21/07/15 às 12h22 - Atualizado em 29/10/18 às 11h44

Segurança Alimentar e Nutricional é discutida em Conferência

COMPARTILHAR

Encontro vai até a quarta-feira (22) e promoverá diálogos sobre efetivação da alimentação adequada

 

Brasília (20/7/2015) – Foi com o tema “Comida de Verdade no Campo e na Cidade” – Resgate e valorize as suas tradições alimentares, que teve início a 4ª Conferência Distrital de Segurança Alimentar e Nutricional, na manhã desta segunda (20), no Centro de Convenções Ulysses Guimarães. A Conferência é realizada pelo Conselho de Segurança Alimentar e Nutricional do Distrito Federal – CONSEA-DF, pela Câmara Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional do Distrito Federal – CAISAN-DF e pela Secretaria de Estado de Desenvolvimento Humano e Social (Sedhs), e seguirá até a quarta-feira (22), debatendo temas e políticas públicas para viabilizar o direito de todo cidadão à alimentação adequada.

Foto: Wellington Reis – Ascom/Sedhs
Sem Título-2

O Governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, discursou sobre a importância de se investir em programas que contribuam para a segurança alimentar e nutricional como, por exemplo, o Programa de Aquisição de Alimentos da Agricultura Familiar, subsidiando, principalmente, as entidades socioassitenciais: “Beneficiamos 40 mil pessoas e 800 agricultores familiares só com o programa de alimentos e ainda estamos comprando R$ 8 milhões em produtos lácteos dessas famílias para ajudar as entidades assistenciais”.

Foto: Wellington Reis – Ascom/Sedhs
Sem Título-5

O secretário de Desenvolvimento Humano e Social, Marcos Pacco, ressaltou a questão da segurança alimentar e nutricional como primordial e extremamente positiva, principalmente, para consolidar as políticas públicas no âmbito da alimentação de qualidade à toda população do Distrito Federal. “Em torno de 1,5% da população do DF encontra-se em insegurança alimentar severa, isto equivale a aproximadamente 40 mil pessoas, e eu acredito que o nosso trabalho terá logrado êxito se conseguirmos extirpar isso”.

Marcos Pacco destacou a importância das políticas públicas, principalmente, por sempre ressaltar que é “fruto de políticas públicas que deram certo”. Na área da Segurança Alimentar e Nutricional, destacou os Restaurantes Comunitários como importantes instrumentos para garantia da alimentação adequada, pois oferece alimentos saudáveis, ao custo de R$ 1 real, à população em maior situação de vulnerabilidade. E aproveitou o evento para anunciar a inauguração de mais um Restaurante Comunitário, na região do Sol Nascente, até o final deste ano.

Foto: Wellington Reis – Ascom/Sedhs
Sem Título-9

Nos próximos dias de Conferência, serão realizados grupos de trabalho que discutirão temas como: alimentação adequada e saudável; agricultura familiar; mulher no contexto da segurança alimentar e nutricional; povos e comunidades tradicionais no contexto da segurança alimentar e nutricional; e sustentabilidade e meio ambiente. Todas as propostas acertadas na Conferência Distrital serão levadas para a V Conferência Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional, que ocorrerá no período de 2 a 6 de novembro deste ano, também em Brasília.

Antes da Conferência Distrital, foram realizadas seis Pré-Conferências Regionais de Segurança Alimentar e Nutricional com a participação de diversos segmentos da sociedade civil e representantes do governo. Nas pré-conferências, ocorridas entre 25 de maio a 4 de julho, e da Conferência Distrital, serão eleitos 33 delegados para a V Conferência Nacional, sendo 22 representantes da sociedade civil e 11 do Governo de Brasília.

Foto: Wellington Reis – Ascom/Sedhs
Sem Título-14