Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
8/06/17 às 18h01 - Atualizado em 29/10/18 às 12h07

Sedestmidh promove oficina para drags queens

COMPARTILHAR

A Oficina de Figurino para Jovens Drag Queens ocorre até amanhã (9) no Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas) da Diversidade, unidade da Secretaria de Trabalho Desenvolvimento Social, Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos (Sedestmidh).

Com 17 alunxs a oficina ministrada pela figurista Nina Monteiro quer investir na capacitação profissional e nas identidades queer. As aulas são gratuitas e surgiram através de uma parceria da Secretaria com o grupo Mães pela Diversidade e Babby Brasil – Presidente do Instituto Amizade Direitos Humanos Cidadania e Sustentabilidade DF-GO.

A ação teve custo zero para o Governo de Brasília e faz parte de um projeto que visa a construção de outras capacitações para o público LGBT, também sem custo para os alunos, realizadores e apoiadores.

Monica Monteiro, integrante do grupo Mães Pela Diversidade e idealizadora da oficina, afirmou que as aulas têm como público pessoas novas e sem experiência em figurino. “Os alunos e as duas alunas sairão daqui com um personagem completo. Roupas, características, trejeitos e etc..”, disse.

Babby Brasil, drag há 14 anos, acredita ser essencial a promoção de oficinas como esta, pois dá mais visibilidade às drags. Além de fortalecer a cena das drags. “Também acredito ser fundamental ocuparmos os espaços e equipamentos públicos, no caso as aulas estão acontecendo no Creas, unidade pública que atende LGBTs”, disse. E completou, o fato de podermos ocupar o espaço e divulgá-lo ao mesmo tempo é superimportante.

Para Babby, o Distrito Federal precisa de mais drags, apesar de não ter muitos locais para apresentação remunerada, por isso, a maioria acaba indo para fora da cidade e algumas para o exterior. “Hoje, o visual está se reafirmando, principalmente em espaços públicos, com a existência de várias drags djs movimentando a cena LBGT”.

Os conteúdos tratados durante o curso são os seguintes: introdução sobre figurino e figurista, introdução sobre identidade visual, noções básicas sobre criação e desenvolvimento de um figurino, sobre construção de personagem, corpo humano, tecidos e transformações têxteis. Ao final do curso, xs integrantes irão se apresentar montadxs com o figurino.


Por: Camila Piacesi