Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
22/12/14 às 19h46 - Atualizado em 29/10/18 às 11h44

Sedest realiza Pesquisa de Refeição Complementar nas Escolas

COMPARTILHAR

Osvaldo Russo

Na tarde desta segunda-feira, 22, o Secretário de Desenvolvimento Social e Transferência de Renda, Osvaldo Russo, apresentou os resultados preliminares da Pesquisa do Programa Refeição Complementar nas Escolas. O estudo foi realizado em 48 escolas indicadas pela Secretaria de Educação que possuem o programa.

De acordo com o documento, grande parte dos alunos consome os alimentos disponibilizados pela escola e mais de 90% afirmam que não falta comida em casa. Durante as duas últimas semanas de novembro, técnicos da Codeplan, Sedest, Câmara InterSetorial de Segurança Alimentar e Nutricional e Nutricionistas da Secretaria de Educação entrevistaram 701 alunos do 4º ao 9º ano de escolas localizadas em área rural e que atendem comunidades vulneráveis. 

A pesquisa também abrangeu os Diretores das escolas e, de acordo com o relatório, 95,8% acham que a refeição complementar é fundamental para os alunos.

Em média, são servidas 576 refeições nas escolas e 79,3% dos alunos comem os lanches oferecidos. Para Osvaldo Russo, a pesquisa é de grande relevância. “Com esse estudo, conseguimos entender a percepção dos alunos sobre os alimentos ofertados nas escolas, avaliar a qualidade nutricional e identificar as principais refeições realizadas. Com esses dados em mãos, podemos contribuir para a melhoria e continuidade desse programa tão importante”, afirmou o Secretário.

A Pesquisa também teve o objetivo de relacionar o consumo alimentar dos alunos em casa e na escola com a prática de atividade física, orientando-os a ter um estilo de vida mais saudável. 

A divulgação da pesquisa também contou com a presença do Secretário de Educação, Marcelo Aguiar.