Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
1/10/12 às 19h49 - Atualizado em 29/10/18 às 11h42

Sedest promove articulação com Seagri para busca ativa na área rural do Distrito Federal

COMPARTILHAR

(30/01/2012 – 14:19)

 A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Transferência de Renda (Sedest) e a Secretaria de Estado de Agricultura e Desenvolvimento Rural (Seagri) realizaram uma Oficina de Busca Ativa na manhã desta quinta-feira, 26 de janeiro, na sala de reuniões da Sedest.

A Busca Ativa, estratégia do DF Sem Miséria, é uma ação de mobilização permanente e continuada para identificação das famílias pobres e extremamente pobres que ainda não estão no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, incluindo catadores de materiais recicláveis, povos e comunidades tradicionais, população em situação de rua e populações que vivem em áreas rurais.

O objetivo da oficina foi trocar experiências entre as duas secretarias para realizar a busca ativa na área rural do Distrito Federal. A Sedest já incluiu no Cadastro Único 600 famílias de Águas Quentes, Recanto das Emas, em setembro de 2011, e 1.300 famílias da área rural de Planaltina, em dezembro de 2011. A Seagri participará da Busca Ativa com toda sua estrutura, incluindo os 16 Escritórios Locais da EMATER e também poderá disponibilizar o fomento de R$ 2.400,00 às famílias inseridas no Cadastro Único, desde que tenham a DAP – Declaração de Aptidão ao Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar ).

Participaram da oficina o secretário adjunto da Sedest, Daniel Seidel, a subsecretária de Assistência Social da Sedest, Ana Lígia Gomes, a assessora especial da Subsecretaria de Transferência de Renda da Sedest, Solange Martins, o diretor executivo da Emater, Marcelo Resende, o representante da CEASA/DF, Marcelo Piccin, além dos coordenadores dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) Fercal, Arapoanga, Brazlândia, São Sebastião, Itapoã, Samambaia, Gama, Planaltina e Paranoá.