Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
24/06/13 às 22h33 - Atualizado em 29/10/18 às 11h44

Sedest investe no Serviço de Convivência

COMPARTILHAR

SED 06421

      Oficina de informática no Centro de Convivência (arquivo – Sedest)

A Sedest, por meio da Subsecretaria de Assistência Social, irá adquirir 40 videogames para 17 Centros de Convivência (Cose) e 6 Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), que oferecem o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV).

No entanto, a marca da fabricante foi citada na licitação, caracterizando falha técnica e suspendendo a ordem. Assim que corrigido o erro, o pedido será retomado.

Por meio desse Serviço, a Sedest atende diretamente, aproximadamente 2.500 crianças e adolescentes de 6 a 17 anos de famílias em situação de vulnerabilidade e risco social das diversas regiões administrativas. O SCFV atende crianças, adolescentes e idosos que interromperam ou perderam suas vinculações familiares ou comunitárias.

Em coletiva de imprensa realizada hoje, Daniel Seidel, Secretário de Desenvolvimento Social e Transferência de Renda, reforçou o quanto é importante que as crianças atendidas pela assistência social também tenham acesso a ferramentas tecnológicas, como videogames. “A Sedest já procura proporcionar também o acesso a recursos de inclusão digital às crianças e aos adolescentes em situação de vulnerabilidade social, por meio de oficinas de informática. Promover o acesso de crianças e adolescentes que se encontram em situação de vulnerabilidade social aos videogames é, portanto, mais uma forma de inclusão social”, disse.

 SED7078

O Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) desenvolvido nos COSES é um serviço da Politica Nacional de Assistência Social e visa complementar o trabalho social com as famílias e prevenir a ocorrência de situações de risco social, tendo como objetivos assegurar espaços de convívio familiar e comunitário; valorizar a cultura de famílias e comunidades locais; desenvolver o sentimento de pertença e de identidade, dentre outros.

A aquisição de jogos digitais para o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos executado pela Sedest justifica-se como uma das ferramentas de apoio para as atividades ofertadas, uma vez que integrados a uma rotina composta por outras atividades, este tipo de jogo traz benefícios para o desenvolvimento físico e psíquico das crianças e adolescentes.

Estudos comprovam que a interação de crianças e adolescente com jogos ajuda a desenvolver e aprimorar o raciocínio lógico, a coordenação motora, o pensamento ágil, além do estímulo à memória.

Ao jogar videogame, as crianças e adolescentes compreendem melhor as imagens, os símbolos, e isso estimula a sua criatividade. (Como exemplo, podemos citar simuladores, como The Sims, Sim City Little Big Planet, uDraw Studio e Smarty Pants que fazem aumentar o interesse pela ciência).

Algumas unidades já possuíam esses equipamentos, mas devido ao tempo de uso e o grande volume de atendimento de crianças e adolescentes que utilizam esses equipamentos, foram danificados e precisam ser substituídos. Outras unidades nunca tiveram e constantemente manifestam o interesse pela aquisição desse recurso pedagógico.

              

Unidades que serão beneficiadas pela aquisição de videogames

 

UNIDADE

QUANTIDADE

COSE Brazlândia  Central    

2

COSE BrazLândia  Vila São José     

1

COSE Ceilândia  Norte        

2

COSE Ceilândia  Sul  

2

COSE Ceilândia  Guariroba   

2

COSE Estrutural      

2

COSE Gama Oeste   

2

COSE Gama Leste   

2

COSE Granja das  Oliveiras  

3

COSE Divinéia –   Núcleo Bandeirante

2

COSE Planaltina       

2

COSE Paranoá        

2

COSE Riacho  Fundo I

2

COSE Santa  Maria   

2

COSE Sobradinho    

2

COSE Taguatinga  Mozart Parada   

2

COSE Taguatinga  Bernardo Sayão 

2

CRAS Arapoanga     

1

CRAS  Candangolândia        

1

CRAS Guará  

1

CRAS Itapoã 

1

CRAS São  Sebastião

1

CRAS Varjão 

1