Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
20/12/18 às 11h24 - Atualizado em 20/12/18 às 11h24

Programa Criança Candanga avalia a gestão

COMPARTILHAR

 

O Plano Decenal do Criança Candanga, lançado em fevereiro deste ano, hoje(18/12) apontou os feitos e programas da subsecretaria de Políticas para Crianças e Adolescentes e das secretarias de educação, cultura e segurança. O plano será válido para os próximos dez anos e pode assegurar direitos, respeitando raças e etnias.

Muitas das ações foram pleiteadas pelos jovens, no âmbito escolar.

Atualmente, cerca de 750 mil crianças e adolescentes, no Distrito Federal, foram alcançados pelas ações das políticas que contemplaram melhorias em, educação, esportes, creches, centros de idiomas, qualificação da saúde e segurança.
Hoje também foi apresentado o Caderno Criança Candanga, que será publicado no Portal do Programa.

Marcia Rollemberg, Colaboradora do governo, ao apresentar o trabalho concluído por todo o Comitê, disse que ele foi concebido como um Marco Legal e anunciou que serão construídas parcerias com organizações não governamentais para dar prosseguimento ao que já foi desenvolvido. Enumerou os Centros Olímpicos, o Cartão de Mobilidade da Criança-para liberar as catracas dos ônibus- a o Programa Embaixadas de Portas Abertas, o Festival de Curta-Metragem de filmes produzidos por alunos do ensino fundamental e Médio. Márcia comemorou o Turismo Cívico na Residência Oficial de Águas Claras, que recebeu 11 mil visitantes nas exposições de arte, distribuídas nos jardins da ROAC. Márcia não economizou elogios ao Hospital da Criança de Brasília, que neste governo inaugurou a Ala II com 220 leitos, aliviando o atendimento no hospital de Base. Disse que é um exemplo para o país.

Ilda Peliz, idealizadora do Hospital, completou,”um presente desta gestão, não parece que estamos no Brasil”, referindo-se à qualidade do atendimento e da infraestrutura montada.

 

Por, Claudia Miani