Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
31/01/20 às 20h25 - Atualizado em 20/02/20 às 16h33

Instituição parceira da Sedes recebe micro-ônibus

COMPARTILHAR

Veículos vai ajudar no transportes das pessoas atendidas pela Vila do Pequenino Menino Jesus

 

Veículo vai ajudar no cotidiano das pessoas atendidas na instituição/Fotos: Marcos Soares/SEDES

Para reforçar o serviço de assistência social no Distrito Federal, um micro-ônibus foi entregue na tarde desta sexta-feira (31) à entidade filantrópica Vila do Pequenino Jesus (Lago Sul), conveniada com a Secretaria de Desenvolvimento Social. A primeira-dama do DF, Mayara Noronha Rocha, e o secretário da pasta, Ricardo Guterres, participaram do evento de concessão do veículo do governo federal.

 

Mayara destacou a necessidade de apoiar instituições como essa, que ajudam idosos e pessoas com deficiência. “As ações que proponho no dia a dia passam por um olhar de carinho e dedicação a sociedade. Qualquer processo de reabilitação ou mesmo de adaptação é uma caminhada que tem a ligação muito forte com o trabalho de entidades sérias como essa”, discursou.

 

O chefe da Secretaria de Desenvolvimento Social lembrou que a primeira-dama da República, Michelle Bolsonaro, visitou a instituição em dezembro do ano passado e viu a necessidade de um transporte para a locomoção dos pacientes.

 

“O ministro [da Cidadania] Osmar Terra ficou sensibilizado com a questão e alocou parte da verba, que é destinada para essa finalidade para que a gente adquirisse esse equipamento. Com o apoio da primeira-dama do DF, fizemos com que que essa doação fosse concretizada”, explicou Guterres.

 

Michelle Bolsonaro e Osmar Terra também compareceram à cerimônia de entrega do micro-ônibus e agradeceram a parceria do governo local. E, principalmente, pelo esforço de Mayara e Guterres em apressar a liberação do recurso que garantirá a locomoção dos pacientes.

 

O micro-ônibus é de uso rural e urbano. É equipado com dispositivo de poltrona móvel para embarque e desembarque de pessoa com deficiência ou mobilidade reduzida. Segundo o Ministério da Cidadania, a capital deve ganhar mais três veículos, que custam R$ 279.200,00 cada.

 

Da Agência Brasília