Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
2/10/12 às 13h07 - Atualizado em 29/10/18 às 11h42

III Conferência Distrital dos Direitos da Pessoa com Deficiência

COMPARTILHAR

(21/08/2012 – 17:22)

Realizada nos dias 18 e 19 de agosto pelo Conselho de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Coddede), no Centro de Convenções Ulisses Guimarães, a III Conferência Distrital dos Direitos da Pessoa com Deficiência aprovou as 40 propostas que serão apresentadas na Conferência Nacional, em dezembro. 

A iniciativa reuniu aproximadamente 300 pessoas e, em sua abertura, contou com as presenças da Coordenadora de Saúde da Secretaria da Mulher, Rita Rebelo; do representante da Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência do Governo Federal, Roberto John Gonçalves; do Conselheiro do Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Raimundo Nonato; do Secretário do Idoso, Ricardo Quirino; da Secretária Adjunta do Desenvolvimento Social e Transferência de Renda (SEDEST), Ana Lígia Gomes; da Deputada Distrital Eliana Pedrosa; do Subsecretário de Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência, César Pessoa, que representou o Secretário de Justiça, Alírio Neto, além da presidente do Metrô, Ivelise Longhi, presente ao encontro representando o governador em exercício, Tadeu Filippelli.

Para o presidente do Coddede, Yure Gagarin, “a III Conferência Distrital foi realizada dentro da mais alta regularização e da legalidade com a participação dos segmentos do governo e dos segmentos da sociedade civil. Daqui saem 40 propostas que foram estudadas, analisadas e votadas no sentido de que as políticas públicas em relação às pessoas com deficiência sejam efetivamente desenvolvidas em parceria com o Estado e a sociedade civil”.

No último censo demográfico do IBGE, de 2010, mais de 45 milhões de brasileiros declararam ter algum tipo de deficiência, ou seja, 23,9% da população total, estimada em 109,7 milhões. No Distrito Federal existem 500 mil pessoas com algum tipo de deficiência, o que representa 22% da população local.