Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
25/05/15 às 13h25 - Atualizado em 29/10/18 às 11h44

I Encontro de Desenvolvimento Humano e Social com Administrações Regionais do DF

COMPARTILHAR

Evento promoveu o alinhamento de estratégias de atuação conjunta

Brasília (25/05/2015) – O I Encontro de Desenvolvimento Humano e Social, realizado na tarde de sexta-feira (22), reuniu representantes das administrações regionais de Brasília com o objetivo de apresentar o trabalho desenvolvido pela Secretaria de Desenvolvimento Humano e Social (Sedhs). O Centro de Treinamento e Capacitação do Guará (CTC) recebeu os servidores das administrações que expuseram os desafios encontrados no atendimento à comunidade em condição de vulnerabilidade social, além das metas com o intuito de alinhar e melhorar a qualidade dos serviços executados em prol da população. 

O secretário de Desenvolvimento Humano e Social, Marcos Pacco, enfatizou que a tarefa da Sedhs é elevada, mas frisou que o trabalho desenvolvido pelas administrações é ainda maior, pois lidam diretamente com a comunidade e, por isso, as cobranças são maiores. Pacco explicou que um dos objetivos da secretaria é fazer com que as pessoas em situação de rua tenham o seu vínculo familiar restabelecido. “Queremos saber o que cada administração tem feito e o que podemos fazer juntos para melhorar a qualidade de vida deles”, disse. 

Márcia Rollemberg, colaboradora do governo de Brasília, acompanhou o encontro e destacou que o contato com os servidores e equipes, realizado internamente, é fundamental para que o governo caminhe e apresente resultados produtivos. “Há um intercâmbio importante entre as administrações, na maneira do fazer, e é muito importante que criemos uma modelagem de gestão com características comuns. Temos feito uma política de integrar várias secretarias no campo social”, afirmou.

Encontro2                                                                                                    Foto: Wellington Reis – Ascom/Sedhs

Integralidade 

A atuação da Secretaria de Desenvolvimento Humano é realizada transversalmente, alinhando-se com as demais políticas públicas do governo estabelecidas para a educação, trabalho e saúde. A secretaria entende que, para a pessoa se desenvolver, ela precisa ser atendida em toda a sua complexidade. Para tanto, a Sedhs atua em quatro eixos de políticas estruturantes: assistência social, segurança alimentar e nutricional, transferência de renda (Programa Bolsa Família, complementação do DF Sem Miséria) e formulação de políticas transversais. 

A Sedhs expôs a parceria que deseja estabelecer com as administrações regionais, o que engloba o fortalecimento das ações territoriais; o trabalho conjunto na efetivação de direitos sociais nos territórios; as ações educativas voltadas para o estabelecimento de uma relação de respeito com as pessoas em situação de vulnerabilidade, de modo a evitar a ocorrência de situação de rua e demais violações de direitos. Também estão previstas realização de campanhas voltadas para a sensibilização sobre a situação de risco em que as pessoas estão submetidas como violência, situação de rua, uso de drogas, entre outras; além da apresentação de demandas relacionadas com os serviços executados pela Sedhs, não confundindo com as ações de segurança pública, saúde ou outras áreas.

Encontro5                                                                                                   Foto: Wellington Reis – Ascom/Sedhs 

A proposta inclui atuar de forma preventiva em espaços urbanos que possuem maior possibilidade de ocupação por pessoas em situação de rua e o direcionamento de campanhas de doação de roupas e agasalhos para instituições parceiras e unidades da Sedhs (CREAS, CRAS), buscando diminuir as contribuições pulverizadas que terminam por incentivar a permanência das pessoas nas ruas.

Participaram do encontro o secretário de Desenvolvimento Humano e Social, Marcos Pacco; a secretária adjunta da Sedhs, Riane Vasconcelos; o coordenador de Políticas Sociais para Pessoas em Situação de Vulnerabilidade da Secretaria de Políticas para Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos, Iolando Almeida; administradores e a colaboradora do governo Márcia Rollemberg, esposa do governador.