Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
7/12/20 às 15h27 - Atualizado em 7/12/20 às 15h31

Entidades da sociedade civil vão aprimorar política de segurança alimentar

COMPARTILHAR

Os 48 novos integrantes do Conselho de Segurança Alimentar e Nutricional do DF (Consea-DF) foram indicados por 24 entidades com experiência na área

 

Foi publicada no Diário Oficial do Distrito Federal a designação dos 48 novos integrantes da sociedade civil, entre titulares e suplentes, que vão compor o Conselho de Segurança Alimentar e Nutricional do Distrito Federal (Consea-DF). A publicação ocorreu nessa quinta-feira (3). O colegiado, que funciona no âmbito da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), vai representar a população nas discussões e tomadas de decisão em relação às futuras políticas públicas de segurança alimentar e nutricional do DF.

 

Os 48 novos conselheiros foram indicados por 24 entidades que participaram de um processo seletivo para compor o Conselho. Eles vão tomar posse na próxima reunião plenária do Consea-DF, em janeiro. “São entidades que têm experiência na área, com mais de dois anos de atuação na garantia da segurança alimentar e nutricional no DF. Agora, o Consea passa de fato a exercer suas funções, que é a de formular e monitorar as ações de segurança alimentar. Todas essas ações que estarão dentro do novo Plano de Segurança Alimentar e Nutricional, que ainda vai ser construído com o governo, serão monitoradas pelo Consea-DF”, explica a secretária-executiva do Conselho de Segurança Alimentar e Nutricional do DF, Nathalia Araújo de Oliveira.

 

“Temos entidades que trabalham com comunidades e povos tradicionais, que vão desde os quilombolas e indígenas. Temos instituições que trabalham especificamente com população em situação de rua, ou especializadas na pauta da agricultura urbana, por exemplo. A seleção foi realizada com a intenção de termos, justamente, essa intersetorialidade da agenda de segurança alimentar e nutricional no DF e garantir que sejam trazidas para o governo as pautas prioritárias”, complementa Nathalia.

 

Os novos integrantes vão se reunir com os representantes de 12 órgãos do GDF para discutir novas diretrizes para a política, monitorar as ações e organizar a próxima Conferência Distrital de Segurança Alimentar e Nutricional do Distrito Federal, com previsão de ser realizada no primeiro semestre. Com o resultado dessa conferência, o Consea-DF propõe à Câmara Intersetorial de Segurança Alimentar e Nutricional do Distrito Federal (Caisan-DF) as diretrizes e prioridades da Política e do Plano de Segurança Alimentar e Nutricional do Distrito Federal, incluindo-se os requisitos orçamentários para a execução.

 

“Essas entidades estão na ponta e vão trazer as diretrizes, as vozes da sociedade de como aquela política deve ser executada, se é viável, quais são os públicos que mais necessitam. A ideia do Conselho é ser bem intersetorial, bem diversificado para atingir todos os públicos”, destaca a secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha.

 

A escolha dos 48 novos integrantes marca a retomada do Consea-DF, que teve as atividades encerradas em fevereiro de 2019. Recomposto, o Conselho passará a exercer suas atribuições na elaboração e o monitoramento das ações de Segurança Alimentar e Nutricional do Distrito Federal.

 

“Quando assumimos, em abril, nossa equipe se mobilizou para fazer um processo seletivo, escolher novos representantes da sociedade civil para a retomada das atividades do Consea-DF e organizar a Conferência Distrital de Segurança Alimentar e Nutricional, que é fundamental para avaliar o cenário atual e como podemos direcionar melhor nossas ações na garantia de uma alimentação adequada e de qualidade para a população mais vulnerável”, pontua a secretária.

 

Consea-DF

 

Compõem o Consea-DF 36 titulares e respectivos suplentes, sendo 2/3 de representantes da sociedade civil e 1/3 de representantes governamentais.

 

Os representantes governamentais são os órgãos do GDF responsáveis pelas seguintes áreas:

 

– Agricultura, Abastecimento e Assistência Técnica e Extensão Rural;

 

– Segurança Alimentar e Nutricional;

 

– Saúde;

 

– Educação;

 

– Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Saneamento Básico;

 

– Direitos Humanos;

 

– Igualdade Racial;

 

– Planejamento e Orçamento;

 

– Relações Governamentais e com Movimentos Sociais;

 

– Assistência Social;

 

– Desenvolvimento Econômico e Sustentável;

 

– Assuntos fundiários.

 

 

Cynthia Ribeiro

  • Acesse o Portal do Governo do Distrito Federal
  • SEPN Quadra 515, Lote 2, Bloco B Ed. Espaço 515 - Asa Norte
    CEP: 70.770-502
    Transferência de Renda e Cadastro único: 37737251/37737242/37737249
    Subsecretaria de Assistência Social: 3773-7248
    Ouvidoria: 3773-7183