Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
10/11/20 às 18h23 - Atualizado em 12/11/20 às 10h33

Criança Feliz Brasiliense dobra meta para 2021

COMPARTILHAR

Sedes lança edital com objetivo de chegar a 3,2 mil crianças inscritas no programa voltado para o desenvolvimento infantil

 

Criança Feliz Brasiliense vai chegar a 3,2 mil beneficiários em 2021. A Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) lança chamamento público para contratação de Organização da Sociedade Civil (OSC) que ficará responsável por executar o programa no Distrito Federal. Lançado pelo GDF em 2019, a iniciativa vêm acompanhado 1,6 mil crianças e mães neste ano.

 

“Desde o lançamento do programa, no ano passado, o objetivo já era dobrar a meta de famílias acompanhadas. Eu me comprometi com a pauta da primeira infância no DF, e é muito gratificante ver o Criança Feliz Brasiliense ser fortalecido com esse edital”, comemora a secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha.

 

“Estimular o desenvolvimento da criança a partir da primeira infância vai ser fundamental para o futuro dela como cidadã, esse é um investimento a longo prazo que precisa ser feito hoje, como estamos fazendo”, completa.

 

A entidade selecionada vai atender famílias com gestantes e crianças com até seis anos ou 72 meses de vida inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, no período de 24 meses, prorrogável por até igual período.

 

O programa vem sendo desenvolvido nas regiões de maior vulnerabilidade social do DF: Paranoá, São Sebastião, Itapoã, Varjão, Brazlândia, Fercal, Sobradinho, Planaltina, Ceilândia, Estrutural, Taguatinga, Riacho Fundo I e II, Samambaia, Recanto das Emas e Santa Maria.

 

Às organizações interessadas devem entrega a Ficha de Inscrição (Anexo I do Edital) e a Proposta (Anexo II), devidamente numeradas, assinadas por seu representante legal e acondicionadas em envelope lacrado, identificado com assunto ‘Proposta para o Edital n.º 04/2020-SEDES da Organização da Sociedade Civil [nome da entidade]’.

 

O recebimento dos envelopes ocorre na Gerência de Protocolo Geral da Sedes, no endereço SEPN 515 bloco A 2º andar, sala 203; nos dias 11, 14 e 15 de dezembro, das 9h às 12h. A abertura das propostas acontece às 15h do dia 16.

 

Criança Feliz Brasiliense

 

Lançado em maio do ano passado pelo governador Ibaneis Rocha, o Criança Feliz Brasiliense chega a 2021 com o cumprimento da promessa de chegar aos 3,2 mil inscritos. Voltado para a gestação e para os primeiros anos do cidadão da rede pública de saúde, o programa foi instituído pelo Decreto nº 39.867, de 31 de maio de 2019, pelo chefe do Poder Executivo local.

 

Reconhecido internacionalmente, o Criança Feliz atua no desenvolvimento da primeira infância. As equipes promovem visitas domiciliares e executam ações planejadas e sistemáticas. Esse trabalho leva em consideração metodologia específica conforme orientações técnicas do programa, para atenção e apoio à família e ao fortalecimento de vínculos.

 

Vale lembrar que, o Brasil venceu a edição de 2019 de um dos maiores prêmios internacionais do mundo na área educacional: o Wise Awards da Cúpula Mundial de Inovação para a Educação. O anúncio foi feito em setembro, em Madri (Espanha). A premiação reconheceu o trabalho desenvolvido pelo programa Criança Feliz, do governo federal, como uma das principais e mais inovadoras iniciativas do mundo na área.

 

O Criança Feliz é considerado o maior programa de visitação domiciliar para o desenvolvimento infantil do mundo. Hoje, 754 mil crianças e gestantes de todo o Brasil são atendidas, e o número de visitas já chegou a 19,9 milhões.

 

Ádamo Araújo

  • Acesse o Portal do Governo do Distrito Federal
  • SEPN Quadra 515, Lote 2, Bloco B Ed. Espaço 515 - Asa Norte
    CEP: 70.770-502
    Transferência de Renda e Cadastro único: 37737251/37737242/37737249
    Subsecretaria de Assistência Social: 3773-7248
    Ouvidoria: 3773-7183