Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
22/08/13 às 20h16 - Atualizado em 29/10/18 às 11h44

Conferências Regionais de Assistência Social em Santa Maria e Riacho Fundo

COMPARTILHAR

DSC 0280

 

No sábado (17), moradores de Santa Maria se reuniram no Centro de Ensino Especial da cidade para debater os rumos da política de assistência social na região. Na abertura, crianças do Cose de Santa Maria entoaram o Hino Nacional, dando início ao evento.

Marlene Azevedo, vice-presidente do Conselho de Assistência Social do DF (CAS – DF), abriu os trabalhos da mesa. “As conferências se realizam de dois em dois anos e, como o próprio nome já diz, nós estamos aqui para conferir o que vem sendo executado e pra fazermos propostas para reordenamento do que está sendo realizado. É muito importante que nós, governo e sociedade civil, estejamos aqui para fazer a avaliação dos serviços da política de assistência social em Santa Maria”, afirmou.

Rogério Quixabeira, representante da Administração da cidade, cumprimentou os presentes e reforçou o compromisso de atender os que mais precisam. “O GDF tem se preocupado com assistência social e hoje é o momento de debatermos as ações desenvolvidas. Reitero que todo o governo está aberto ao debate, a Administração tem se dedicado às pessoas que necessitam de qualquer atenção no que diz respeito à assistência social, e reforço que estamos de portas abertas para receber a comunidade”, declarou.

O chefe da Subsecretaria de Administração Geral da Sedest, Vicente Sérgio, representou o secretário Daniel na mesa de abertura e relatou algumas conquistas da Secretaria. “Na perspectiva de realizarmos um bom trabalho, contamos com unidades de atendimento que desenvolvem as políticas de assistência social, da transferência de renda e de segurança alimentar e nutricional. Uma grande ação que possibilitou o acesso às políticas foi a efetivação do Cadastro Único, que é a chave para incluirmos uma grande quantidade de famílias que não eram contempladas pelos programas sociais. Graças ao compromisso de superação da miséria no DF, estamos efetivando as ações direcionadas a quem mais precisa. Para avançarmos ainda mais, contamos com a participação de todos vocês”, disse.

 

Riacho Fundo I e II

 

IMG 0682
O Instituto Nair Valadares (INAV) foi o local escolhido para a Conferência Regional de Riacho Fundo I e II. A abertura contou com a apresentação do Coral de Idosos do Cose de Riacho Fundo “Viver Com”, que cantou músicas de Roberto Carlos, na companhia do educador social Araújo.

Compuseram a mesa de abertura o secretário Adjunto da Sedest, Raimundo Kamir, a presidente do Conselho de Assistência Social do DF (CAS / DF), Edijanes Araújo, e o representante da Administração do Riacho Fundo I, Beltíde Rocha.

 

“Nesta conferência nós teremos o momento para propor um novo caminho da assistência social para os próximos dois anos. Então, que a gente exponha as nossas necessidades e opiniões, pois assim construiremos juntos. É muito bom fazer parte dessa construção enquanto presidente do CAS e representar os usuários dessa política” declarou Edijanes Araújo.

O secretário adjunto da Sedest apresentou a Secretaria para os presentes e declarou iniciada a conferência. “Nossa missão hoje é analisar o trabalho da Sedest. Estamos aqui para, juntos, conferir o que cada Subsecretaria e demais equipamentos têm feito em prol da sociedade. Mais do que isso, viemos para construir projetos novos para atender à população do DF. Agradeço a todos pela presença”, disse.