Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
10/06/19 às 22h04 - Atualizado em 10/06/19 às 22h18

Bombeiro Mirim do DF recebe cerca de 1,8 mil uniformes

COMPARTILHAR

Aquisição é fruto de uma parceria entre a Secretaria de Desenvolvimento Social, o Corpo de Bombeiros Militar e as famílias

 

FOTO: MARCOS SOARES/SEDES

Todos os dias, antes de ir para o curso de confecção de vestuário, acessórios e materiais esportivos da Fábrica Social, Francisca Rejane dos Santos, de 28 anos, deixa os filhos Eduardo e Gustavo, respectivamente de 9 e 7 anos, para as atividades socioeducativas no Projeto Bombeiro Mirim, da Estrutural. “Vivemos em uma comunidade muito carente e todo suporte que tivermos para ajudar na educação de nossos filhos é fundamental”, conta.

 

O Bombeiro Mirim é um projeto do Corpo de Bombeiros Militar desenvolvido em 12 regiões do DF com cerca de 1,8 mil crianças carentes. E, nesta segunda-feira (10), cada uma dessas recebeu um novo uniforme para participar das oficinas. Uma parceria entre a Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), por meio da Fábrica Social, e os militares, viabilizou a confecção do material. As novas camisas foram distribuídas durante solenidade no 8º Grupamento de Bombeiro Militar, em Ceilândia.

FOTO: MARCOS SOARES/SEDES

“O papel social do Corpo de Bombeiros Militar é fundamental para a comunidade. São eles a linha de frente junto à sociedade”, enfatiza o secretário de Desenvolvimento Social, Eduardo Zaratz. “Não é somente a secretaria que tem uma parceria com os bombeiros, nem somente o GDF, mas todo o DF. Além das funções cotidianas, hoje eles atuam no combate à dengue e no recadastramento do Benefício de Prestação Continuada. Ou seja, em várias frentes em favor do brasiliense”, complementa.

De acordo com o comandante-geral da corporação, o coronel Carlos Emilson Ferreira dos Santos, a parceria com a Sedes é fundamental, pois converge exatamente no público atendido pelos programas sociais dos bombeiros.

 

O programa

Programa Bombeiro Mirim foi criado em 1999 com o objetivo de fornecer aos brigadinos a oportunidade de completar sua educação, através do desempenho de práticas suplementares ao processo educativo, facultando aos mesmos um desenvolvimento psicossocial, preparando-os para o exercício pleno de Cidadania.

Três vezes na semana, a iniciativa oferece atividades educativas, esportivas, culturais e recreativas e inclui atividades de Bombeiro Militar, como primeiro socorros, salvamento e prevenção de acidentes domésticos e incêndios.

FOTO: MARCOS SOARES/SEDES

Podem participar crianças de 7 e 14 anos, matriculadas na rede pública de ensino e funciona também nas Unidades do Corpo de Bombeiros de Brazlândia, Ceilândia, Samambaia, Recanto das Emas, Gama, Santa Maria, Candangolândia, Núcleo Bandeirante, Paranoá, São Sebastião, Sobradinho e Planaltina.

Novas vagas podem ser abertas todo ano, porém o número oferecido depende da disponibilidade oriunda das desistências e saídas dos brigadinos que completam 15 anos. Após a abertura de vagas, as matriculas são realizadas no início dos meses de fevereiro e agosto nas unidades onde existe o programa.

Além do Bombeiro Mirim, a parte social do CBMDF oferece os programas de Aleitamento Materno, o Bombeiro Amigo, o Cão Guia e o Caminhando com a Saúde. O telefone da Assessoria dos Programas Sociais é 3901-7926.

 

Ádamo Araujo