Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
22/05/13 às 22h23 - Atualizado em 29/10/18 às 11h44

GDF desenvolve projeto ambiental focado em grandes eventos

COMPARTILHAR

No último sábado (18), durante a inauguração do Estádio Nacional de Brasília – Mané Garrincha, foi recolhido pouco mais de uma tonelada (1) de resíduos sólidos. Este trabalho é resultado da ação realizada pelo Governo do Distrito Federal no âmbito do Projeto “Agente de Mobilização Social para Grandes Eventos”.

Sem título

Esta primeira ação resultou no aproveitamento de 90% do material recolhido, separados e comercializados pelas cooperativas que atuaram no projeto.

63 duplas, vestidas com camisetas verdes e amarelas, foram responsáveis pela sensibilização dos espectadores do primeiro jogo teste, orientando e esclarecendo sobre a importância do processo de coleta e destinação dos resíduos ali produzidos.

“O Projeto é um avanço no campo da educação ambiental e garante o devido reconhecimento ao trabalho histórico exercido pelos catadores de materiais recicláveis do DF”, reforça Daniel Seidel, Secretário de Desenvolvimento Social e Transferência de Renda.

Essa primeira ação resultou no aproveitamento de 90% do material recolhido, que foi separado e comercializado pelas cooperativas que atuaram no projeto.

Agente de Mobilização Social – O Projeto, coordenado pela Sedest, conta com parceria da Casa Civil, Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos e Secretaria de Educação. Inspirado na experiência ocorrida no Evento Internacional “Rio+20”, treinou catadores de materiais recicláveis de diversas cooperativas do DF e alunos da rede pública de ensino profissionalizante e do EJA, para atuarem como agentes de orientação ambiental.

As duplas que atuaram dentro do Estádio Nacional na sua inauguração também estarão presentes na abertura das Copas das Confederações, bem como nas atividades que acontecerão no Centro de Convenções durante o período da Copa. O projeto formará ao todo 150 duplas de catadores/alunos, totalizando 300 participantes.

A expectativa do projeto é difundir para os frequentadores do Estádio e de outros grandes eventos que acontecerão no DF a importância social e ambiental da Coleta Seletiva Solidária, além de auxiliar na promoção da inclusão social e produtiva dos catadores/as e dar visibilidade a suas ações.